Sonhos Roubados, de Sandra Werneck

De volta às favelas do Rio num filme brasileiro, ‘Sonhos Roubados’, dirigido por Sandra Werneck (‘Cazuza – O Tempo Não Pára’), mostra a vida de três garotas que recorrem à prostituição para resolver seus problemas financeiros.

O roteiro escrito por uma equipe de seis roteiristas, baseado num livro de Eliane Trindade, traz momentos interessantes na vida das garotas, ainda que soe um tanto esquemático, e é o melhor aspecto do filme, porém, com uma direção que pouco tem a acrescentar e um elenco fraco, não tem roteiro que salve.

Nelson Xavier e Marieta Severo se destacam facilmente no elenco interpretando respectivamente o avô de uma das protagonistas e uma cabeleireira do bairro. O trio protagonista se apresenta muito mal, com um ou outro momento que mostro um pouco de esforço da Nanda Costa, mas as demais deixam muito a desejar, exibindo a clara falta de experiência perante as câmeras.

Depois de bons títulos passivos de elogios no cinema nacional este ano, ‘Sonhos Roubados’ aparece para mostrar que nem tudo são flores.

Anúncios

8 Comentários on “Sonhos Roubados, de Sandra Werneck”

  1. Alef Pontes disse:

    É só eu elogiar a desenvoltura do cinema nacional neste ano, que acontece uma coisa dessa. Bem, vou dar uma conferida no filme e comento sobre.

  2. Poxa, que pena. Depois de um filme tão bom como Cazuza, produzir algo tão fail assim. De qualquer forma verei!

  3. Vinícius P. disse:

    Parece trazer um tema bem recorrente em nosso cinema, mas mesmo assim estou curioso quanto ao filme – afinal parece mesmo ser um ótimo ano para os filmes brasileiros.

  4. cleber eldridge disse:

    Esse filme não me despertou interesse, mas, irei conferir quando chegar as locadoras.

    • Alef, Sonhos Roubados não chega a ser uma bomba, mas fica muito aquém daquilo que o cinema brasileiro vinha mostrando no início do ano pra cá.

      Robson, esse é muito inferior a Cazuza.

      Vini, verdade. Até os piores estão se mostrando assistíveis.

      Cleber, até vale um pouco a sessão, mas em última opção. haha

      Abração!

  5. jeff disse:

    OK, falar que o tema é recorrente no cinema, que o drama das personagens já foi tratado outras tantas vezes em obras nacionais, que é até meio clichê em certo ponto, tudo bem, até posso concordar, mesmo adorando o filme. Mas elenco fraco?! Nanda Costa tá sensacional! As outras duas um pouco inferior, mas mesmo assim se destacam. E do elenco mais experiente nem preciso comentar.
    Adoro o início e o final desse filme, a música é ótima.
    Pena que não gostou.

    []s!

  6. em um ano que em temos estreias como “Tropa de Elite 2”, “O bem Amado”, “Olhos Azuis” e “Dzi Croquetes” ; realmente “Sonhos roubados” fica pra trás fácil.
    E concordo um pouco com Jeff, o filme não é ruim, mas também não é um dos melhores filmes nacionais do ano.

  7. thais disse:

    Perto das estreias nacionais do ano, realmente o filme de Sandra fica pra trás.
    E concordo em partes com o Jeff, o filme não é ruim, só não é inovador nem diferente.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s