Diorama TV Awards 2010: Drama – Estreia e Elenco

Estreia

The Good Wife (CBS)

Diferente do segmento Comédia, as estreias dramáticas apresentaram algumas séries que merecem a conferida, mas nem se comparam à qualidade que as veteranas apresentaram nessa temporada. The Good Wife foi a que mais se aproximou disso, mostrando que mesmo com uma premissa que pouco empolga é possível criar um drama de qualidade, sem falar na Julianna Margulies, que possui a melhor performance dramática das séries estreantes.

Outros indicados:

– Caprica (Syfy)

– Justified (FX)

– Parenthood (NBC)

– Treme (HBO)

Elenco

Lost (ABC)

O elenco sempre foi algo a ser elogiado em Lost, mas nesse último ano foi um tanto especial devido às participações de atores e atrizes que já haviam deixado a série. Aqueles que ainda permaneceram no elenco fixo muitas vezes se superaram, como foi o caso do Josh Holloway e do Matthew Fox, além daqueles que sempre entregam performances excelentes como Terry O’Quinn e Michael Emerson.


Outros indicados:

– Damages (FX)

– Mad Men (AMC)

– Parenthood (NBC)

– Treme (HBO)

| Drama | Comédia | Categorias Técnicas e Adicionais |

Anúncios

Diorama TV Awards 2010: Indicados – Drama

Finalizando o Diorama Movie Awards 2010, dou início ao último segmento com o anúncio dos indicados a tal. Mais uma vez quero deixar claro o meu agradecimento pelos FYCs, com um tmepo maior, pude analisar algumas estreias que me foram indicadas e incluí-las ou não na lista. Para quem não sabe, já divulguei os vencedores no segmento Comédia e nas Categorias Técnicas e Adicionais nesta premiação pessoal que vem acontecendo desde o início do mês. Seguem os indicados no segmento Drama:

Breaking Bad | Damages | Dexter | Lost | Mad Men | True Blood

Episódio
– “Hungry Man”, de Dexter
– “I Will Rise Up”, de True Blood
– “One Minute”, de Breaking Bad
– “Sanctuary”, de Grey’s Anatomy
– “The End”, de Lost
– “The Next One’s Gonna Go in Your Throat”, de Damages

Ator
– Bryan Cranston, por Breaking Bad
– Matthew Fox, por Lost
– Michael C. Hall, por Dexter
– Jon Hamm, por Mad Men
– Peter Krause, por Parenthood
– Kiefer Sutherland, por 24

Atriz
– Glenn Close, por Damages
– Anna Gunn, por Breaking Bad
– January Jones, por Mad Men
– Melissa Leo, por Treme
– Julianna Margulies, por The Good Wife
– Kyra Sedgwick, por The Closer

Ator Coadjuvante
– Michael Emerson, por Lost
– John Goodman, por Treme
– John Noble, por Fringe
– Dean Norris, por Breaking Bad
– Terry O’Quinn, por Lost
– Aaron Paul, por Breaking Bad

Atriz Coadjuvante
– Michelle Forbes, por True Blood
– Lauren Graham, por Parenthood
– Cherry Jones, por 24
– Elisabeth Moss, por Mad Men
– Sandra Oh, por Grey’s Anatomy
– Chandra Wilson, por Grey’s Anatomy

Ator Convidado
– Len Cariou, por Damages
– Ted Danson, por Damages
– Jared Harris, por Mad Men
– Gregory Itzin, por 24
– John Lithgow, por Dexter
– Titus Welliver, por Lost


Atriz Convidada
– Allison Janney, por Lost
– Mariana Klaveno, por True Blood
– Mary McDonnell, por The Closer
– Martha Plimpton, por The Good Wife
– Lily Tomlin, por Damages
– Evan Rachel Wood, por True Blood

Direção
– “Hungry Man”, de Dexter
– “I Saw What I Saw”, de Grey’s Anatomy
– “I Will Rise Up”, de  True Blood
– “One Minute”, de Breaking Bad
– “Sanctuary”, de Grey’s Anatomy
– “The End”, de Lost

Roteiro
– “Guy Walks Into an Advertising Agency”, de Mad Men
– “Sanctuary”, de Grey’s Anatomy
– “The End”, de Lost
– “The Getaway”, de Dexter
– “The Gypsy and The Hobo”, de Mad Men
– “The Next One’s Gonna Go in Your Throat”, de Damages

Elenco
– Damages
– Lost
– Mad Men
– Parenthood
– Treme

Estreia
– Caprica
– The Good Wife
– Justified
– Parenthood
– Treme


Diorama TV Awards 2010: Comédia – Série

Série

Modern Family (ABC), criada por Steven Levitan e Christopher Lloyd

Durante essa temporada de séries, as estreias acabaram satisfazendo mais do que as veteranas. Séries como 30 Rock, Entourage, Weeds e The Office não renderam tanto quanto antes e acabaram saindo de muitas listas como esta e quando ainda permanecem, se mostram um tanto longe da vitória. Outras até cresceram, chegando a surpreender os mais desavisados, como foi o caso de United States of Tara e, principalmente, Parks and Recreation. A pouco conhecida, porém ótima, Secret Diary of a Call Girl apostou numa mudança sutil na trama e acabou acertando em dar mais espaço ao lado cômico, o que é um risco muito grande nas séries britânicas atuais. Glee, Community, Bored to Death, Drop Dead Diva, How to Make It in America, Hung e Nurse Jackie formaram uma temporada de estreias que há muito tempo não se via no gênero e, pra mim, não houve série cômica melhor, seja estreia ou não, que Modern Family. Criada por Christopher Lloyd – também criador de Frasier – e Steven Levitan, o programa foi até uma surpresa, visto que a ABC não costuma se dar muito bem no segmento comédia. Muito bem escrito, o roteiro da série colabora para que o elenco brilhante facilmente arranque gargalhadas do público sem precisar apelar para piadas de mau gosto. Minha maior recomendação da temporada e a melhor comédia desse período.

Outros indicados:

– Parks and Recreation (NBC)

– Secret Diary of a Call Girl (ITV2)

– 30 Rock (NBC)

– United States of Tara (Showtime)

– Weeds (Showtime)

Resultado da enquete:

1. Modern Family [53%]

2. Parks and Recreation [32%]

3. Secret Diary of a Call Girl [6%]

3. 30 Rock [6%]

5. Weeds [3%]

6. United States of Tara [0%]

| Comédia | Categorias Técnicas e Adicionais |


Diorama TV Awards 2010: Comédia – Episódio

Episódio

“Modern Warfare”, de Community (NBC)

Cansei de dizer que acho Community irregular, que vai do constrangedor ao hilário em uma semana. Dito isso mais uma vez, é necessário saber reconhecer quando algo de qualidade vai ao ar, mesmo numa série que não seja a favorita e é isso que “Modern Warfare” representa para mim. Sendo a direção seu maior destaque, o episódio repleto de referências – o que é comum na série – beirou a perfeição tanto nas cenas de ação quanto nas cenas de fato cômicas. Um episódio pra ninguém botar defeito.


Outros indicados:

– “Episode 7”, de Secret Diary of a Call Girl (ITV2)

– “The Incident”, de Modern Family (ABC)

– “Telethon”, de Parks and Recreation (NBC)

– “Trouble Junction”, de United States of Tara (Showtime)

– “Wheels”, de Glee (FOX)

| Comédia | Categorias Gerais e Técnicas |


Diorama TV Awards 2010: Comédia – Atriz e Ator

Atriz

Toni Collette, por United States of Tara (Showtime)

É muito bom ver quando atores e atrizes que geralmente atuam no cinema se dedicam a trabalhos em séries de TV e dão certo. Toni Collette, sem dúvidas, é um dos melhores exemplos disso. Tara é um presente, dando potencial para o interpréte mostrar diversas facetas e a atriz incorporou a personagem e todos os seus alters de maneira tão incrível que é de deixar qualquer um de boca aberta. Nessa segunda temporada novos alters surgiram e como já era de se esperar ela foi brilhante.

Outras indicadas:

– Edie Falco, por Nurse Jackie (Showtime)

– Tina Fey, por 30 Rock (NBC)

– Mary-Louise Parker, por Weeds (Showtime)

– Billie Piper, por Secret Diary of a Call Girl (ITV2)

– Amy Poehler, por Parks and Recreation (NBC)

Ator

Ty Burrell, por Modern Family (ABC)

Phil Dunphy foi um dos personagens mais marcantes da última temporada de séries, graças à maneira hilária de seu ator interpretá-lo. Aproveitando a falta de material melhor para Alec Baldwin, não há outra performance a ser escolhida que não essa tão espontânea do Ty Burrell, uma das melhores coisas em Modern Family.

Outros indicados:

– Alec Baldwin, por 30 Rock (NBC)

– Steve Carell, por The Office (NBC)

– Ed O’Neil, por Modern Family (ABC)

– Jim Parsons, por The Big Bang Theory (CBS)

– Tony Shalhoub, por Monk (USA)

| Comédia | Categorias Técnicas e Adicionais |


Diorama TV Awards 2010: Comédia – Atriz Coadjuvante e Ator Coadjuvante

Atriz Coadjuvante

Jane Lynch, por Glee (FOX)

Glee sem Sue Sylvester não é Glee e isso se deve ao máximo à magnífica atuação de Jane Lynch, que entregou a performance da temporada. Ao interpretar personagens caricatos há um grande risco de cair em exageros, mas é aí o grande acerto da atriz, que não só sabe ser moderada, como sabe os momentos que precisa exagerar. Cada cena com sua personagem é memorável, até as mais dramáticas.

Outras indicadas:

– Eve Best, por Nurse Jackie (Showtime)

– Rosemarie DeWitt, por United States of Tara (Showtime)

– Jane Krakowski, por 30 Rock (NBC)

– Elizabeth Perkins, por Weeds (Showtime)

– Sofía Vergara, por Modern Family (ABC)

Ator Coadjuvante

Eric Stonestreet, por Modern Family (ABC)

Se Jane Lynch entre as atrizes é a que melhor sabe o momento de exagerar e como fazer isso de maneira decente, Eric Stonestreet mostrou que é o que melhor faz isso entre os atores. São inúmeros episódios que poderiam ser citados para que fosse comprovada a competência do ator em cena, mas basta “Fizbo” para fazer dele o melhor coadjuvante cômico da temporada. Se Cameron ri, o público ri; se Cameron fica com raiva, o público ri; se Cameron chora, aí o público chora também, mas de tanto rir. Sensacional!

Outros indicados:

– Ted Danson, por Bored to Death (HBO)

– Nick Offerman, por Parks and Recreation (NBC)

– Neil Patrick Harris, por How I Met Your Mother (CBS)

– Jeremy Piven, por Entourage (HBO)

– Rainn Wilson, por The Office (NBC)

| Comédia | Categorias Técnicas e Adicionais |


Diorama TV Awards 2010: Comédia – Atriz Convidada e Ator Convidado

Atriz Convidada

Kristin Chenoweth, por Glee (FOX)

Como bem disse o L. Vinicius em seu blog, há atores e atrizes em Glee que se destacam por sua desenvoltura atuando, enquanto outros merecem o destaque pelo canto. Dito isso, é meio que impossível dizer ao certo se Kristin Chenoweth foi melhor cantando ou atuando em sua participação na série, visto que além de dar um banho em muitos do elenco fixo, ainda rendeu excelentes números musicais.

Outras indicadas:

– Viola Davis, por United States of Tara (Showtime)

– Rebecca Creskoff, por Hung (HBO)

– Idina Menzel, por Glee (FOX)

– Julianne Moore, por 30 Rock (NBC)

– Elizabeth Perkins, por Monk (USA)

Ator Convidado

Will Arnett, por 30 Rock (NBC)

Mesmo já tendo se saído muito bem nas temporadas passadas, Will Arnett conseguiu se destacar mais uma vez em suas participações nessa quarta temporada de 30 Rock. É do tipo de ator que parece que nasceu para a comédia, soando espontâneo cada movimento em cena. Foi o único dos atores a contracenar com o Alec Baldwin no mesmo nível e isso só já é um grande mérito.

Outros indicados:

– James Franco, por 30 Rock (NBC)

– Rob Lowe, por Parks and Recreation (NBC)

– Neil Patrick Harris, por Glee (FOX)

– Michael Sheen, por 30 Rock (NBC)

– Fred Willard, por Modern Family (ABC)

| Comédia | Categorias Técnicas e Adicionais |