Pânico na Neve, de Adam Green

Dirigido e roteirizado por Adam Green, ‘Pânico na Neve’ mostra o terror que três amigos passaram após serem esquecidos num teleférico numa montanha gelada. Com Emma Bell, Shawn Ashmore e Kevin Zegers no elenco principal.

Adam Green já dirigiu outros filmes do gênero anteriormente e não obteve sucesso, assim como neste. ‘Pânico na Neve’ é uma sucessão de cenas mal elaboradas 90% filmadas no tal teleférico onde os amigos ficam pendurados assim como naqueles típicos suspenses teens, onde um morre, depois outro, até chegar no desfecho tão mal elaborado quanto o restante do longa.

O elenco poderia ao menos render algo bom, mas mesmo com  Kevin Zegers, que fez um bom trabalho ao lado da Felicity Huffman em ‘Transamérica’, não há nada a ser elogiado. Atuações tão mal inspiradas quanto o roteiro só pioram a situação daquilo que já não parecia ser muito bom. Em falhas tentativas de emocionar, se percebe a falta de competência do elenco e do diretor, como exemplo uma cena da jovem urinando nas calças e chorando seguida de uma trilha sonora que tenta emocionar. Tenta.

Não é preciso assistir muito para perceber a bomba que será. Basta os primeiros minutos para o longa mostrar que será desagradável. Com um argumento bem simples, ‘Pânico na Neve’ ao menos poderia trazer situações interessantes, mas tudo ali é tão previsível que não há como agradar nem mesmo aquele mais leigo no assunto.

Anúncios

6 Comentários on “Pânico na Neve, de Adam Green”

  1. Cara, esse filme parece curioso. Mas é daqueles que dá pra esperar num sábado à noite em SUPERCINE, não? Tem toda a cara!

    Abs!

  2. Vinícius P. disse:

    #MEDO desse filme. Nada mais.

  3. Lauder disse:

    Valeu, me poupou de ver uma porcaria. 😀

  4. Só tu mesmo, Leco, pra ver isso e “Vírus” no cinema…. Hhahuahaauhahuahua

  5. Matheus Rufino disse:

    Caraca, meu, como tu vê filme ruim, ein?! Que isso, masoquismo? haha Pqp, esse aí eu já recusaria ver de antemão, pela cara e pelo título. Pelo visto meus instintos anti-bomba estão certos, hoho. E comentando o que comentaram, não veria esse filme nem no supercine… a não ser que a ruindade fosse forte desde o início e me deixasse curioso pra ver até onde iria #vergonhaalheia #guiltypleasure (6)


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s