Um Episódio

Que a sexta temporada de Lost apresentou ultimamente uma seqüência de ótimos episódios, isso todo mundo que assiste já sabe, mas sempre é bom ressaltar. O episódio a que o título do post se refere é “The Candidate”, o último exibido até então, que não só considero desde já como o melhor deste ano, como também já figura entre os meus episódios favoritos da série. SPOILERS ABAIXO!

Ao longo de seis temporadas passando por situações terríveis na ilha – e fora dela – os passageiros do Oceanic 815 nunca demonstraram o cansaço que exibiram em The Candidate. A cena que sucede o afundamento do navio, com os últimos sobreviventes na praia, não precisou de muitas palavras para passar ao telespectador o estado de exaustão que os protagonistas passavam. O choro de Jack à beira do mar foi algo tão sensível a quem assiste que foi quase impossível não se emocionar.

Emoção também foi o que não faltou na despedida do casal Kwon. Após a súbita redenção e morte de Sayid, com Kate baleada sendo levada por Hurley e Sawyer desacordado sendo resgatado por Jack, a tentativa de Jin em salvar sua esposa foi uma cena memorável, que ficará para sempre marcada na história da série. Outro momento que marcou o episódio foi Locke no flashsideway revelando a Jack o motivo pelo qual estava numa cadeira de rodas e seu pai em estado vegetativo. Terry O’Quinn mais uma vez se superando.

É isso, o episódio me emocionou tanto que eu não poderia deixar passar batido aqui no blog. Fico muito feliz por Lost estar superando as minhas altas expectativas sobre esse último ano.

Anúncios

5 Comentários on “Um Episódio”

  1. Vinícius P. disse:

    Também é um dos meus episódios favoritos da série. Incrivelmente emocionante, me deixou sem reação em alguns momentos – e, claro, me chorar como bebê em determinadas cenas… Belas imagens!

  2. Luis Galvão disse:

    OMG! É realmente incrível como o pessoal de Lost em certos momentos me irritam profundamente. Demorar um temporada inteira para ver a junção do casal mais verdadeiro da série, para no episódio seguinte matá-los?? Raiva à parte. O episódio realmente parece ter sido um encaminhamento para o final explosivo e grandioso que parece ser previsto desde sempre.
    Agora que duas das minhas personagens favoritas já morreram (Sun e Juliet), só resta Kate e Hurley e Saywer para eu torçer, porque Jack é um mala sem alça! srsr

  3. Jenson disse:

    Que saco, estou um pouco atrasado com a série, preciso me atualizar e rápido.

  4. Wally disse:

    E infelizmente ainda tem quem reclama muito da série… fazer o quê? Eu amei este episódio e to adorando a temporada.

  5. Matheus Rufino disse:

    É, infelizmente não me emocionei assim, como já disse em outras ocasiões, achei esse episódio todo cheio de incoerências, difícil me envolver assim. Mesmo a cena da Sun com o Jin, que seria a mais tocante do episódio, foi prejudicada pela falta de verossimilhança, afinal, que tipo de mãe não lembraria da filha numa hora daquelas?


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s